Alguns aspectos sobre o Java

Alguns aspectos sobre o Java

O Java é uma das principais linguagens, segundo o site do TIOBE, para se desenvolver softwares avançados por inúmeros motivos, e sua procura se mantém sempre em alta há 20 anos, mesmo com o surgimento de novas linguagens e o aprimoramento de algumas antigas. Você já se perguntou o motivo de tanto sucesso? 

Digamos que sua principal concorrente, que possui sempre uma grande procura também, é a linguagem C, além de outras que apresentam atualizações constantes e usabilidade ampla, como PHP, Perl, Javascript, R e PL e SQL. 

Atualmente pertencente a Oracle, a linguagem Java surgiu na década de 90 e uma de suas principais característica é que ele não é apenas um monte de compilados de códigos nativos da plataforma, mas sim compilados para um bytecode, executados por uma máquina virtual, permitindo assim que os desenvolvedores “rodem” um programa em qualquer máquina que suporte a plataforma, o que já não pode ser feito em outras linguagens como o C e o C++, além de ser orientado a objeto. 

Por ser popular e ajudar em inúmeros segmentos, o Java possui diversos profissionais que a dominam bem, aumentando assim a concorrência no mercado de trabalho. O que no início pode ser visto como uma vantagem, a grande procura por profissionais que dominem o java, logo pode ser visto como um desafio a ser superado constantemente, pois não é somente a linguagem em si que é preciso saber, mas também dominar suas plataformas, a integração com outros tipos de linguagens e ficar sempre antenada em suas atualizações que podem acabar mudando seus aspectos. 

Muito mais que uma linguagem, o Java também é uma plataforma de desenvolvimento, na qual envolve: 

  • JSE – Sua versão básica.
  • JME – A plataforma de desenvolvimento voltada para dispositivos móveis. 
  • Java TV – Com uma API que permite o desenvolvimento para televisão digital. 
  • Java FX – Voltada para internet e programas mais voltados para desktop. 
  • JEE – Voltada para empresas e aplicativos Web. Inclui os: 

JSP – Executar o java em sua página.

JPA – Modifica o framework de persistência com impacto zero. 

JSF – Framework que cuida da camada de visão.  

  • Java Card – Desenvolvimento de cartões inteligentes.

Dentre suas vantagens, podemos destacar alguns pontos que fazer o Java se sobressair. São elas: 

  • Como já abordado, dá para executar de diferentes lugares, poupando tempo em aprender bibliotecas específicas. 
  • Alta produtividade. 
  • Deslocamento automático de qualquer espaço de memória não utilizado. 
  • Presença em diversos lugares, desde celulares até servidores. Com mais de 3 bilhões de dispositivos que executam java. 
  • Uma boa documentação de código aberto e gratuito. 

Muitos podem não saber, mas inicialmente a linguagem desenvolvida foi chamada de “Oak”, dado por Gosling ao observar a estrutura de um janelas de carvalho e pensar nos diretórios da linguagem, porém, no período criado já havia uma linguagem com esse mesmo nome.  

Após o impasse referente ao nome, houveram reuniões das equipes de desenvolvimento de marketing onde foi discutido os possíveis nomes, dentre as opções havia “Silk” e “Lyric”, mas por fim alguém gritou “Java” e o nome ficou esse.

Comentarios

comments

Deixe uma resposta

Fechar Menu